PGR

Raquel Dodge faz parecer contra pedido de anulação da sentença que condenou Lula

Procuradora-geral da República disse ver "fundadas dúvidas jurídicas" sobre mensagens de Moro a Dallagnol, que não tiveram sua autenticidade confirmada

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, elaborou parecer contrário à anulação da sentença que condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à prisão por recebimento do tríplex no Guarujá (SP) da construtora OAS. 

Raquel se manifestou por conta de um pedido da defesa de Lula, que usa as trocas de mensagens entre o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, divulgadas pelo site The Intercept

Para a PGR, “há fundadas dúvidas jurídicas” sobre as mensagens que foram anexadas ao processo, já que a autenticidade das conversas de Telegram não foi confirmada. 

Aprenda a investir na bolsa

Segundo a defesa de Lula, o que foi divulgado sobre as relações entre Moro e Dallagnol rompe completamente com imparcialidade objetiva e subjetiva que deve ter um juiz no andamento de um processo. 

O documento da PGR foi enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF), que julgará o pleito dos defensores de Lula. 

 

Receba com exclusividade todas as edições do Barômetro do Poder e fique por dentro do que os maiores especialistas da política estão esperando para o futuro do país. É grátis!