Crise

PT vê risco de prisão de Lula nas próximas horas e convoca reunião de emergência

Conforme noticia a jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, lideranças do partido foram alertadas por criminalistas de que há chance de prisão e que era necessária mobilização imediata

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Horas depois de o Supremo Tribunal Federal rejeitar o pedido de habeas corpus apresentado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, as principais lideranças do PT desembarcaram em São Paulo para uma reunião de emergência. As informações são da jornalista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo.

De acordo com a reportagem, figuras do partido foram alertadas por criminalistas de que a prisão do ex-presidente pode ocorrer até mesmo nas próximas horas e que era necessária uma mobilização imediata. Caso nada excepcional ocorra, a prisão dificilmente será evitada.

Ainda segundo o jornal, o partido já discute se Lula poderia se entregar ou esperaria que a polícia fosse buscá-lo em sua residência.

PUBLICIDADE