De olho na Justiça

PT toma providências caso Lula seja preso – mas agora, maior temor é outro

De acordo com a colunista Mônica Bergamo, da Folha, petista não deve ficar preso por muito tempo, mas temor da legenda é de que ele seja impedido de se manifestar na campanha

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Em meio à avaliação de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva possa ser preso antes da Páscoa, o PT já começa a discutir, ainda que discretamente, quais serão as providências tomadas caso o líder petista seja preso, informa Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo. 

Uma delas, diz a colunista, é escolher um porta-voz que possa visitá-lo com frequência, transmitindo as opiniões do petista para o mundo exterior.

As prisões levam a restrições para visitas de familiares e amigos, que só podem ver os detentos uma vez por semana. Apenas advogados poderiam falar com Lula com frequência, enquanto parlamentares também podem entrar nas prisões com maior facilidade. 

Aprenda a investir na bolsa

Porém, os dirigentes do PT avaliam que Lula não permanecerá muito tempo preso. Mas há um outro temor maior, diz a coluna: o de que ele seja impedido de se manifestar na TV na campanha presidencial por alguma decisão da Justiça Eleitoral.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear