PSB ratifica apoio oficial à candidatura de Dilma Rousseff à presidência

Partido exigiu como contraponto o tratamento igual entre partidos nos Estados e a presença de Dilma nos palanques eleitorais

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A direção nacional do PSB anunciou apoio formal à candidatura de Dilma Rousseff (PT) à presidência nesta sexta-feira (21). Junto à decisão, foi aprovada uma resolução em que os candidatos do PSB nos Estados apoiarão, preferencialmente, candidatos da base aliada.

Além do apoio formal, o partido comprometeu-se a fazer campanha para a pré-candidata nos Estados – mesmo em locais em que o candidato regional seja coligado com o PSDB. Em contrapartida, o presidente nacional da legenda, Eduardo Campos, disse que exigirá que Dilma trate igualmente os partidos PT e PSB nos distritos. Campos também pede que a pré-candidata suba nos palanques eleitorais dos candidatos de seu partido.

Contexto
A decisão acontece após o PSB ter desistido, há cerca de um mês, de lançar candidatura própria. Embora o deputado Ciro Gomes (PSB-CE) tenha insistido em concorrer, seu próprio partido não o apoiou. Dirigentes alegaram que a legenda teria muito a perder nos Estados caso Ciro se candidatasse à presidência.

Aprenda a investir na bolsa