Parado

Processo do mensalão tucano está parado há um ano na Justiça de MG, destaca Folha

Processo do chamado "mensalão tucano" apura as suspeitas de caixa 2 pelo ex-governador de Minas Gerais, Eduardo Azeredo (PSDB)

arrow_forwardMais sobre
(Geraldo Magela/Ag.Senado)

SÃO PAULO – Conforme destaca o jornal Folha de S. Paulo desta sexta-feira (27), o processo do chamado “mensalão tucano”, que apura as suspeitas de caixa 2 pelo ex-governador de Minas Gerais, Eduardo Azeredo (PSDB), está parado há um ano.

O processo está parado desde que foi devolvido pelo STF (Supremo Tribunal Federeal) à primeira instância. Além disso, a ação não tem mais juiz, uma vez que o titular se aposentou.

Segundo denúncias do MPF (Ministério Público Federal), o mensalão envolveu desvios de R$ 3,5 milhões em empresas públicas do estado e que foram usados na campanha para as eleições. O esquema começou a ser investigado em 2005.

PUBLICIDADE