AO VIVO Por Dentro dos Resultados: CFO da Iguatemi fala sobre os números da empresa e o futuro dos shoppings; assista

Por Dentro dos Resultados: CFO da Iguatemi fala sobre os números da empresa e o futuro dos shoppings; assista

Primeiro-ministro do Japão pode perder maioria em eleições para Câmara Alta

Pesquisas indicam que partido Democrata deve ter dificuldade para manter as 56 cadeiras que garantem maioria na Câmara Alta

SÃO PAULO – A indecisão dos eleitores marca as eleições legislativas japonesas, que no domingo (11) decidirão quem ocupará 242 cadeiras da Câmara Alta do país asiático. Há chances do pimeiro-ministro, Naoto Kan, perder o controle das duas Câmaras na eleição, o que ameaçaria a capacidade do governo de aprovar leis com maior facilidade.

Os eleitores se mostram divididos quanto à proposta de Kan de aumentar os imopstos de vendas nacionais. Há dez meses no poder, o primeiro-ministro tomou posse após escândalos financeiros de seu predecessor e disputas com os Estados Unidos.

Eleições
Três jornais divulgaram pesquisas nesta sexta-feira (9) mostrando que a coalizão pode falhar em manter as 56 cadeiras necessárias para obter a maioria na Casa. O principal opositor é o partido Liberal Democrata, e o novo “Seu Partido”, que devem ganhar do partido Democrata, segundo indicam pesquisas.