RADAR INFOMONEY Ações da Vale, Gerdau e Usiminas são vistas com otimismo por analistas antes de balanços; assista ao programa desta segunda

Ações da Vale, Gerdau e Usiminas são vistas com otimismo por analistas antes de balanços; assista ao programa desta segunda

Premiê japonês deverá encontrar presidente da China no dia 8 de outubro

As visitas à China e também à Coréia do Sul são parte da política de fortalecimento de laços do Japão com os países vizinhos

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O novo primeiro ministro do Japão, Shinzo Abe, deverá se encontrar com o presidente e o premiê da China, Hu Jintao e Wen Jiabao, em Pequim, no próximo domingo (8).

Ainda neste mês e numa data provavelmente bem próxima, o líder japonês deverá ir também à Coréia do Sul, reunir-se com o presidente Roh Moo Hyun, para tratar de temas delicados envolvendo os dois países.

Relações externas

As visitas fazem parte da política de fortalecimento de laços com os países vizinhos, com os quais o Japão mantinha relações tensas durante o governo do antecessor de Abe, Junichiro Koizumi, por causa de suas idas a um mausoléu que mantém os restos mortais de alguns soldados japoneses condenados por crimes de guerra.

Aprenda a investir na bolsa

Ainda no âmbito da política externa do novo gabinete, os conselheiros especiais de segurança nacional do Japão e dos EUA, Yuriko Koike e Stephen Hadley, deverão se encontrar em Washington na terça-feira (3), para conversar por dois dias sobre a aliança de confiança mantida pelas duas maiores economias do mundo.