Nova operação

Polícia Federal cumpre 21 mandados de busca e apreensão em inquérito que investiga atos contra democracia

Medidas foram autorizadas pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal

Aprenda a investir na bolsa

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta terça-feira (16), diligências requeridas pela Procuradoria Geral da República e determinadas pelo Ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“As medidas tem o objetivo de instruir o Inquérito n.º 4.828/DF/STF que investiga a origem de recursos e a estrutura de financiamento de grupos suspeitos da prática de atos contra a Democracia”, afirma a PF em nota.

No total são cumpridos 21 mandados de busca e apreensão nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Maranhão, Santa Catarina e no DF.

Aprenda a investir na bolsa

O deputado federal Daniel Silveira, vice-líder do governo, escreveu no Twitter que a PF está em seu
apartamento.

Ontem (15), a ativista bolsonarista Sara Giromini (conhecida como Sara Winter) foi presa em uma ação dentro do mesmo inquérito. Ela foi uma das coordenadoras de um acampamento de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro na Esplanada dos Ministérios.

Receba o Barômetro do Poder e tenha acesso exclusivo às expectativas dos principais analistas de risco político do país
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.