Impeachment de Dilma

Placar abaixo de 55 votos para prosseguir impeachment pode passar desconforto, diz Mizuho

“É mais do que esperado que processo de impeachment avance e presidente tenha que enfrentar julgamento final no Senado” e o placar é importante porque dá termômetro para a votação final

Aprenda a investir na bolsa

(Bloomberg) — Placar de hoje para prosseguimento do impeachment abaixo do número obtido em votação para instauração do processo no Senado, em maio, pode passar um pouco de desconforto para o mercado, diz Luciano Rostagno, estrategista-chefe do banco Mizuho.

  • NOTA: Em 12/maio, senadores aprovaram afastamento temporário de Dilma e instauração de processo de impeachment, com placar de 55 a 22
  • Mercado espera placar bem dilatado, a favor da continuidade do processo: Rostagno
    • “É mais do que esperado que processo de impeachment avance e presidente tenha que enfrentar julgamento final no Senado”
  • Placar é importante porque dá termômetro para a votação final
  • “Mercado está esperando processo terminar, acreditando que, consolidado o impeachment, governo vai ganhar capital político para poder avançar com medidas fiscais e reformas”
  • NOTA: Temer espera ao menos 58 votos contra Dilma esta semana: Fonte

Esta matéria foi publicada em tempo realapara assinantes do serviço BloombergaProfessional.