Nova Operação

PF deflagra Operação Quinto de Ouro; presidente da Assembleia do RJ, Jorge Picciani é alvo de condução coercitiva

Estão sendo cumpridos ainda mandados de prisão contra cinco conselheiros e um ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A Polícia Federal deflagrou a Operação Quinto de Ouro e está nas ruas do Rio de Janeiro na manhã desta quarta-feira (29) para o cumprimento de mandados de prisão contra cinco conselheiros e um ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro. Jorge Picciani, presidente da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) é alvo de mandado de condução coercitiva.

A Operação investiga desvios para favorecer membros do Tribunal de Contas e da Alerj. As investigações têm como base a delação do ex-presidente do TCE-RJ, Jonas Lopes, que fechou acordo com a Procuradoria Geral da República. Lopes foi levado a depor em dezembro de 2016 na Operação Descontrole.

Segundo delação premiada do ex-diretor da Odebrecht Leandro Azevedo, Lopes pediu dinheiro para aprovar o edital de concessão do estádio do Maracanã e o relatório de contas da Linha 4 do metrô do RJ. 

Aprenda a investir na bolsa