Integração II

PF deflagra 55ª fase da Lava Jato e cumpre 92 mandados judiciais; primo de Beto Richa é alvo

Do total, 73 mandados são de busca e apreensão, três são de prisão preventiva e 16 de prisão temporária

SÃO PAULO – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (26) a 55ª fase da Operação Lava Jato com o cumprimento de 92 mandados judiciais em cidades dos Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro e São Paulo. A operação foi batizada de Integração II e, do total de mandados, 73 são de busca e apreensão, três são de prisão preventiva e 16 de prisão temporária. 

A investigação foca em casos de corrupção ligados aos procedimentos de concessão de rodovias federais no Estado do Paraná, que fazem parte do chamado Anel da Integração. Um dos nomes que estão na mira é o do empresário Luiz Abi Antoun, primo do ex-governador e candidato ao Senado Beto Richa (PSDB), que é alvo de mandado de prisão temporária. 

Segundo o G1, o advogado dele, Anderson Mariano, disse que o cliente está em viagem ao Líbano, com autorização da Justiça Estadual. A passagem de retorno ao Brasil está marcada para outubro, para as audiências da Operação Publicano, aponta o advogado. 

PUBLICIDADE

Luiz Abi Antoun já havia sido preso em 11 de setembro na Operação Rádio Patrulha, que investiga suposta organização criminosa durante o governo de Richa, também preso naquelaq data. Os dois e mais 13 investigados foram soltos no dia 14 de setembro após uma decisão do ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal).

Entre os alvos das ordens judiciais,estão concessionárias que administram o Anel de Integração do Paraná: Econorte, Ecovia, Ecocataratas, Rodonorte, Viapar e Caminhos do Paraná, assim como intermediadores e agentes públicos corrompidos beneficiários de propina, informa o MPF (Ministério Público Federal). 

Quer investir com corretagem ZERO na Bolsa? Abra agora sua conta na Clear!