Nova operação

PF cumpre 10 mandados em investigação de contratos com Petrobras

PF cumpre 4 mandados de busca e apreensão, 1 mandado de condução coercitiva e 1 mandado de prisão temporária, além 3 intimações determinadas pelo Juízo Federal com a imposição de outras medidas cautelares 

(Bloomberg) — Ordens judiciais são decorrentes de investigação que tramita na 13ª Vara Federal de Curitiba, Paraná, “para apurar o pagamento de vantagens indevidas a executivos da Petrobras através do já conhecido Setor de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht, bem como em ação penal em curso que apura fatos semelhantes”, segundo comunicado distribuído por mídia eletrônica.

PF cumpre 4 mandados de busca e apreensão, 1 mandado de condução coercitiva e 1 mandado de prisão temporária, além 3 intimações determinadas pelo Juízo Federal com a imposição de outras medidas cautelares
“De acordo com as investigações até então realizadas, há indícios concretos de que um grupo de gerentes da Petrobras uniram-se para beneficiar o Grupo Odebrecht em contratações com a petroleira, mediante o pagamento de valores de forma dissimulada em contas de empresas off-shores estabelecidas no exterior”
Investigados responderão pela prática dos crimes de associação criminosa, corrupção e lavagem de dinheiro, diz PF no comunicado
Investigado preso temporariamente será conduzido à carceragem da PF em Curitiba
Em outro procedimento e atendendo também à determinação da 13ª Vara Federal de Curitiba, PF deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva de réu já condenado na ação penal nº 5014170-93.2017.404.7000, segundo o comunicado
PF concede entrevista coletiva às 10:00 na Superintendência em Curitiba

Esta matéria foi publicada em tempo realapara assinantes do serviço BloombergaProfessional.

PUBLICIDADE