Datafolha

Petrobras: maioria é contra privatização; 84% acham que Dilma sabia de corrupção na estatal

A rejeição à venda da petroleira, envolvida em escândalos de corrupção, é maior entre os entrevistados que declaram apoio ao PT, de 67%; entre os simpatizantes do PSDB, 56% são contra e 35% a favor

arrow_forwardMais sobre

São Paulo, 22/03/2015 – Para 61% dos brasileiros, a Petrobras deve continuar sob controle estatal, conforme pesquisa do Datafolha, publicada neste domingo pelo jornal Folha de S.Paulo. Outros 24% são a favor da privatização, de acordo com o levantamento realizado nos dias seguintes à manifestação popular contra o governo, há uma semana.

A rejeição à venda da petroleira, envolvida em escândalos de corrupção, é maior entre os entrevistados que declaram apoio ao PT, de 67%. Entre os simpatizantes do PSDB, 56% são contra e 35% a favor.

O levantamento foi feito em âmbito nacional, com 2842 eleitores. 

PUBLICIDADE

Além disso,  o Datafolha mostra que 84% dos brasileiros acreditam que a presidente Dilma Rousseff sabia da corrupção dentro da Petrobras e também é majoritária a parcela que acredita que, além do conhecimento do esquema, ela deixava que ele operasse livremente. Dos entrevistados, 61% acham que ela deixou que ocorressem os crimes. Outros 23% dizem que, apesar de saber, Dilma não poderia fazer nada para impedir.

Do grupo que declarou voto em Dilma no segundo turno das eleições presidenciais de 2014, 74% acham que ela sabia do esquema, outros 19% acreditam que ela não sabia e 8% não sabiam responder. Dos que votaram em Aécio Neves (PSDB), 94% acham que ela sabia, 3% achavam que não e 3% não souberam responder. 

(Com Agência Estado)