Pedido a Dilma

Pelo Twitter, Joaquim Barbosa pede a demissão “imediata” do Ministro da Justiça

"Nós, brasileiros honestos, temos o direito e o dever de exigir que a presidente Dilma [Rousseff] demita imediatamente o ministro da Justiça", afirmou o ex-ministro do STF

SÃO PAULO – O ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa pediu pela rede social Twitter que a presidente da República Dilma Rousseff demita “imediatamente” o ministro da Justiça José Eduardo Cardozo. Os posts foram feitos no último sábado (14), com Barbosa criticando o uso da política na Operação Lava Jato. 

Nós, brasileiros honestos, temos o direito e o dever de exigir que a presidente Dilma [Rousseff] demita imediatamente o ministro da Justiça”, disse Barbosa. “Reflita: você defende alguém num processo judicial. Ao invés de usar argumentos/métodos jurídicos perante o juiz, vc vai recorrer à Política?”, questionou logo depois. 

Ontem, reportagem do jornal O Globo mostrou que Cardozo encontrou-se com advogados da construtora Odebrecht em seu gabinete, reunião que inclusive constou na agenda oficial do ministro.

PUBLICIDADE

Cardozo confirmou o encontro com os representantes da empreiteira mas não os identificou. Segundo o ministro, os advogados foram atendidos porque haviam feito um pedido formal de audiência. Na reunião, de acordo com Cardozo, os advogados apresentaram duas representações denunciando supostas irregularidades em fatos que envolvem a Operação Lava-Jato. 

Confira as postagens de Joaquim Barbosa:

TwiiterJB