Coletiva

“Pelo que estou vendo nas ruas, está havendo uma virada”, diz Dilma após pesquisas

Dilma ainda se esquivou de pergunta sobre afirmações recentes de Lula e disse: "você acha não que também é errado alguém me chamar de leviana?"

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Em coletiva de imprensa após a divulgação das pesquisas Ibope e Datafolha, a presidente disse que o resultado amplia a adesão das pessoas e que pelo que ela está vendo nas ruas “está havendo uma virada”. Além disso, ela criticou os episódios de violência relacionados à política e disse que confrontos e conflitos são normais da democracia, mas “conflitos físicos é algo que não pode ocorrer”.

Dilma também disse que reconhece a establidadade da moeda conseguida no governo de Fernando Henrique Cardoso, mas que não reconhece os avanços sociais que seu adversário Aécio Neves (PSDB) diz terem ocorrido no governo do tucano. “Aumentar salário foi conquista dos governos meu e do Lula. Reduzir desemprego foi conquista dos governos meu e do Lula”, afirmou.

Questionada acerca das declarações pesadas que o ex-presidente Lula tem feito sobre seu oponente, ela se esquivou e disse que era melhor perguntarem isso para o próprio Lula. Ela ainda emendou, alfinetando seu rival: “você não acha que também é errado alguém me chamar de leviana?”

PUBLICIDADE

As pesquisas Ibope e Datafolha mostraram a presidente a 8 e 6 pontos percentuais respectivamente à frente do tucano. É a primeira vez que a petista aparece à frente do adversário fora da margem de erro.