Partido grego Nova Democracia falha em formar governo de coalizão

Partido Syriza, que ficou em segundo lugar nas eleições, agora receberá a oportunidade de tentar formar uma coligação

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O líder do partido grego Nova Democracia, Antonis Samaras admitiu nesta segunda-feira (7) que falhou em formar um governo de coalização. O partido de centro-direita foi o mais votado nas eleições presidenciais de domingo e, por isso, ganhou um mandato do presidente Karolos Papoulias para formar uma coligação.

“Nós fizemos tudo que podíamos. Foi impossível [formar um governo]. Então devolvi o mandato”, afirmou Samaras, após reunião com os líderes dos partidos Syriza (Coalizão da Esquerda Radical), Pasok e Esquerda Democrática.

O partido Syriza, que ficou em segundo lugar nas votações, agora receberá a oportunidade de tentar formar um governo. Papoulias vai se reunir com o líder do partido, Alexis Tsipras, na terça-feira.

Aprenda a investir na bolsa

Se não for possível formar um novo governo de coalizão outras eleições deverão ser convocadas, possivelmente em junho, de acordo com a imprensa local.