Para Lula, país só fará parte do grupo de desenvolvidos se investir em educação

Durante a inauguração de um centro de nanotecnologia, presidente afirmou que PAC irá investir RS 41 bilhões na área

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, na última terça-feira (4), que o Brasil só fará parte do grupo de países desenvolvidos se investir em educação.

“O Brasil só entrará no mapa dos países desenvolvidos se fizermos um forte investimento na educação, na ciência e na tecnologia”, comentou, durante a inauguração do Centro de Nanotecnologia César Lattes, em Campinas, no interior de São Paulo.

Ciência e Tecnologia

Segundo a Agência Brasil, Lula também lembrou no evento que o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) voltado para ciência e tecnologia irá investir R$ 41 bilhões até 2010.

Aprenda a investir na bolsa

Para o presidente, o programa para esse setor está em pleno desenvolvimento, porque foi feito com a participação de pessoas comprometidas com essa área.

“Há muito tempo o Brasil não via um programa de ciência e tecnologia tão arquitetado, trabalhado com centenas de cabeça, milhares de mãos, vários ministros e cientistas”, afirmou.

Reuni

No evento, Lula também citou o Reuni (Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais), que irá ampliar de 12 para 18 o número de alunos por professor nas universidades, além de aumentar em 20% o repasse de verbas para as instituições.

“Isso vai permitir que possamos colocar, até 2010, mais 400 mil jovens nas universidades federais brasileiras”, destacou.