Para evitar gripe suína, Japão dificulta ainda mais visto para mexicanos

Governo pediu que embaixada no México suspenda temporariamente a concessão automática de vistos

SÃO PAULO – O governo japonês decidiu adotar mais uma medida para evitar algum caso de gripe suína no Japão. Nesta terça-feira (28), o Ministério de Negócios Estrangeiros anunciou que irá aumentar as regras para a concessão de visto a mexicanos, segundo divulgou a Agência portuguesa Lusa.

O Japão irá pedir que sua embaixada no México suspenda temporariamente o sistema de isenção de visto e que reforce os procedimentos de controle.

Evitando viagens

Além disso, o governo orientou os cidadãos japoneses que evitem viagens ao México e outros países que registram casos de pessoas infectadas. Também foi recomendado que as pessoas evitem multidões.

PUBLICIDADE

De acordo com a Agência Brasil, o Japão não registrou nenhum caso da doença, mas em Tóquio, o controle dos passageiros vindo de outros países foi reforçado. Eles passam por uma espécie de scanner que detecta pessoas em estado febril, o principal sintoma da gripe suína.

Na última segunda-feira (27), o ministro da saúde japonês, Yoichi Masuzoe, assegurou que dará prioridade à produção de uma vacina contra a doença, mas admitiu que o processo poderá demorar até sete meses.