Política

Palácio do Planalto lança página oficial no Facebook com mensagem de Dilma

Em vídeo de apresentação, presidente diz que o objetivo da página é abrir mais um canal de diálogo entre o governo e a sociedade

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Palácio do Planalto aproveitou o Dia da Consciência Negra para lançar sua página oficial no Facebook. A estratégia é se aproximar ainda mais do público jovem – principal usuário da rede social -, abrindo espaço para diálogo entre o governo e a sociedade. Vale lembrar que recentemente a presidente Dilma Rousseff reativou sua conta no Twitter, que estava inoperante desde 2010.

A página traz como imagem de fundo a foto da presidente Dilma com um capacete da Petrobras cumprimentando funcionários da estatal (veja abaixo). Logo após isso, foi publicado o link da agenda diária de eventos da presidente e também cinco fotos mostrando os avanços do Pacto de Responsabilidade Fiscal.

Já por volta das 11h, Dilma gravou um vídeo apresentando a página oficial do Facebook, ressaltando que ela será mais uma espaço para o cidadão acompanhar as atividades do governo federal. “Nesta página vamos também debater a evolução dos nossos cinco pactos: o pacto da responsabilidade fiscal, o pacto pela reforma política, o pacto pela saúde de qualidade, o pacto pela educação e pelo transporte público de qualidade” afirmou a presidente – confira o vídeo na íntegra ao final da matéria.

Aprenda a investir na bolsa

Por fim, a página ainda traz uma linha do tempo contando a história dos presidentes antecessores na história do Brasil, bem como alguns eventos marcantes no cenário político brasileiro, como a Constituição de 1988, a campanha “Diretas Já” de 1984 e a inauguração da cidade de Brasília em 1960. A linha do tempo também faz uma menção ao Golpe Militar de 1964, citando Castello Branco como o primeiro presidente do Brasil por meio de eleição indireta. “Ele foi um dos principais articuladores do golpe militar e governou com o objetivo de legitimar o regime instaurado. Neste período, por exemplo, entraram em vigor leis que restringiam a liberdade de imprensa e tipificavam os crimes contra a segurança nacional”, diz o post.

Para acessar a página oficial do Palácio do Planalto no Facebook, clique aqui.

Vídeo de anúncio da página do Palácio do Planalto no Facebook: