Ministro da Casa Civil

Padilha diz que Brasil vive momento delicadíssimo e rebate ex-AGU: “quer holofotes”

Ministro da Casa Civil destacou ainda que o governo precisa aprovar a PEC do teto de gastos

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (12), o ministro-chefe da Casa Civil afirmou que o Brasil vive momento delicadíssimo e que o governo tem que ter coragem e responsabilidade para tomar medidas. Padilha destacou ainda que o governo precisa aprovar a PEC do teto de gastos. O ministro participou da primeira edição da rodada de debates “Brasil Futuro”, realizado pela Consulting House em São Paulo.

O ministro ainda comentou sobre a polêmica saída do advogado-geral da União Fábio Medina Osório e as suas declarações do último fim de semana de que o governo Temer estaria querendo abafar a Lava Jato. Segundo Padilha, o ex-AGU quer holofotes e que não há do governo nada que não seja estimular a Lava Jato. 

Sobre o pacote de concessões, ele afirmou que amanhã será apresentado o que será prioridade, mas antecipando que as concessões serão de portos, aeroportos e ferrovias. 

Aprenda a investir na bolsa