Operação Lava Jato

“Nunca presenciei nada de ilícito no governo Lula”, diz Meirelles a Moro

Ministro da Fazenda participou  como testemunha de defesa do ex-presidente Lula no caso do triplex

(Bloomberg) — “Nunca vi nem presenciei nada que pudesse ser identificado como ilícito ou ilegal”, disse o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, durante depoimento, ao juiz Sérgio Moro, como testemunha de defesa do ex-presidente Lula no caso do triplex.

* Meirelles foi questionado se presenciou Lula comandando esquema de corrupção do governo 
* “Minha relação com Lula era focada no BC e na política econômica”, disse
* “BC não se envolveu em políticas de governo ou relações com parlamentares”, disse
* Ao ser questionado se já teve acesso a algum tipo de informação sobre uma estrutura criminosa que tivesse Lula como comandante, Meirelles disse que não teve acesso “a nenhum tipo de informação sobre isso porque não era papel do BC”
* Moro indeferiu pergunta da defesa sobre membros do governo Lula terem adquiridos supostos benefícios pessoais e acusou o advogado de defesa de fazer “propaganda política”
* Lula cumpriu promessa de garantir independência ao BC durante seu governo, disse Meirelles
* Ao final do depoimento, Moro afirma que teria perguntas sobre economia para Meirelles, mas reconhece que “não é o momento apropriado”
* Vídeo do depoimento foi divulgado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª região
* NOTA: Meirelles depôs acompanhado do advogado Marcos Gimenez, segundo o Termo de Audiência
* Lula será interrogado presencialmente em 3/maio às 14:00 no processo de acusação de crimes de lavagem de dinheiro ou ocultação de bens, direitos ou valores, diz o documento