Número de internautas que usam banda larga em casa cresceu 24% em um ano

Segundo Ibope, foram 21,5 milhões de usuários em fevereiro. Alta foi impulsionada pelo aumento do público feminino

SÃO PAULO – Cada vez mais brasileiros têm acesso residencial à internet, apontam dados do Ibope NetRatings divulgados nesta terça-feira (24), e também é cada vez maior a preferência pelo uso da banda larga.

Para se ter uma ideia, em fevereiro, 21,5 milhões de usuários ativos navegaram em suas residências com banda larga, um crescimento de 24% sobre o segundo mês de 2008 e de 3,9% frente a janeiro de 2009.

“O crescimento do uso de banda larga em fevereiro foi maior no público feminino, principalmente crianças e adolescentes, justamente os perfis que historicamente menos usam conexões rápidas”, informou o analista de Mídia da entidade, José Calazans.

Crescimento residencial

Outros dados do levantamento revelam que, no mês passado, dos 38,2 milhões que têm acesso em casa, 24,8 milhões de navegaram pela web, um crescimento de 12,5% em relação ao mesmo mês de 2008.

Em relação ao mês anterior, o crescimento foi mais ameno, com uma alta de 1,4%.

Tempo na internet

Segundo o estudo, o tempo médio de navegação residencial por internauta brasileiro foi de 22h10min, inferior ao registrado em janeiro, de 24h49min.

Entre os países medidos com a mesma metodologia, navegaram mais que o Brasil, em fevereiro, o Reino Unido, com 23h29min, a França, com 22h50m, e a Alemanha, com 22h22min.

Categorias

As categorias que registram o maior aumento percentual, em relação ao mês anterior, foram Educação e Carreiras, com 5,9%, Portais, Buscadores e Comunidades, com 1,7%, e Telecomunicações e Serviços, com 1,4%.

Cresceram acima da média da internet residencial, frente ao segundo mês de 2008, as categorias Informações Corporativas (23,8%), Viagens e Turismo (19,8%), Comércio Eletrônico (17%), Buscadores, Portais e Comunidades (13,6%) e Entretenimento (13,6%).

PUBLICIDADE