Novo ministro da Agricultura renuncia no Japão

Takehido Endo admitiu que sabia, há três anos, de uma fraude na associação agrícola da cidade de Yonezawa - da qual ele estava à frente desde 1982

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ministro da Agricultura japonês, Takehido Endo, que assumiu o cargo no último dia 27, apresentou sua carta de renúncia nesta semana, por estar envolvido em um caso de fraude.

De acordo com a agência Kyodo, Endo é o quinto ministro a deixar o Executivo, desde que o premiê Shinzo Abe assumiu o governo em setembro de 2006. Só a pasta de Agricultura sofreu três baixas no período.

Um dos ministros que antecedeu Endo se suicidou em maio desse ano, após ter sido acusado de corrupção. Outro renunciou em julho, em razão de diversas acusações.

Corrupção

Aprenda a investir na bolsa

No sábado passado (01), Endo admitiu que sabia há três anos de uma fraude nas ajudas agrárias, que a associação agrícola da cidade de Yonezawa – da qual ele estava à frente desde 1982 – recebeu em 1999.

Ainda segundo a Kyodo, a associação recebeu ilegalmente 1,15 milhões de ienes (US$ 9,9 mil) de fundo do Estado, após superfaturar o número de atingidos pelos danos no cultivo a uva durante o ano.

Os diversos casos de corrupção abalaram o governo de Shinzo Abe e a popularidade do premiê caiu para apenas 30%. Os japoneses o acusam de falta de liderança.