AO VIVO Aprenda a se proteger das armadilhas do trading e gerir seu risco no mercado

Aprenda a se proteger das armadilhas do trading e gerir seu risco no mercado

Novas denúncias: Antonio Palocci é indiciado por mais quatro crimes

Com isso, sobem para oito as acusações formais contra o ex-ministro da fazenda e ex-fiador da política econômica

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Acusado de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, peculato e falsidade ideológica, o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci foi indiciado nesta quinta-feira, dia 27 de abril, por mais quatro crimes.

As irregularidades teriam sido encontradas em contratos de limpeza urbana firmados na época que Palocci era prefeito da cidade de Ribeirão Preto.

Com isso, sobem para oito as acusações formais contra o ex-ministro, uma vez que este já foi indiciado por quebra de sigilo funcional, quebra de sigilo bancário, prevaricação e denunciação caluniosa.

Cobrança de propina na prefeitura de Ribeirão Preto

Aprenda a investir na bolsa

Antonio Palocci prestou depoimento nesta tarde na Polícia Civil de Brasília para esclarecer pontos do inquérito que apura o suposto esquema de cobrança de propina na prefeitura de Ribeirão Preto.

As investigações apontam irregularidades em contratos de limpeza urbana assinados com a Leão Leão, empresa responsável pelo serviço de coleta de lixo no município paulista. O ex-ministro foi ouvido por meio de carta precatória, documento que permite à corporação de Brasília ouvir o ex-ministro no inquérito referente à Ribeirão Preto.

O delegado chefe da delegacia de Capturas de Polícia Interestadual de CPI, Antonio Admar Brandão, e o delegado Amarildo Fernandes foram os responsáveis pelo interrogatório. As informações são da Agência Brasil.