No município de São Paulo, Geraldo Alckmin é o grande preferido dos eleitores

Dados são da Pesquisa de Avaliação Política da Fecomercio, que entrevistou 861 eleitores da capital paulista

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Se as eleições presidenciais dependessem apenas dos eleitores do município de São Paulo, a situação de Geraldo Alckmin seria muito mais confortável e Lula teria motivos de sobra para se preocupar.

Além de apontar a necessidade de realização de segundo turno, o candidato tucano se apresenta como favorito dos eleitores paulistanos. Mantendo a liderança pelo terceiro mês consecutivo, Geraldo Alckmin (PSDB) aparece agora 40,1% das intenções de voto, enquanto Lula tem 30,8%.

Com isso, o tucano venceria Lula na região por uma diferença de 9,3 pontos percentuais, crescimento de 1,3 ponto percentual frente à vantagem verificada em agosto. Destaque ainda para o desempenho de Heloisa Helena (PSOL), que cresce há três meses e aparece agora com 14,1% das intenções de voto.

Aprenda a investir na bolsa

A sondagem foi feita pela Fecomercio (Federação do Comércio do Estado de São Paulo) no dia 1º de setembro, com 861 eleitores da capital paulista. A margem de erro é de três pontos percentuais.

Avaliação do governo e índice de rejeição

Outro ponto favorável ao candidato Geraldo Alckmin diz respeito à avaliação do seu governo. A sondagem mostra que 49,2% aprovam a gestão Lula, enquanto 71% consideram positiva a atuação de Alckmin como governador.

O petista também continua a ser o candidato com maior índice de rejeição. Dos eleitores paulistanos, 41% não votariam em Lula de forma alguma. Já o índice de rejeição de Alckmin é de 12,7%, seguido por Heloisa Helena, 11,9%.