Negociação de mudanças no projeto do pré-sal atrasa apresentação dos pareceres

Governo negocia inclusão de nova política de royalties; Michel Temer garante que projeto será votado dia 10 de novembro

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O deputado Henrique Fontana (PT-RS), líder do governo da Câmara dos Deputados, disse nesta quinta-feira (22) que o atraso na apresentação dos pareceres do pré-sal se deve a negociações sobre ajustes nas propostas. Um dos pontos debatidos é incluir nova política de royalties no projeto.

Fontana afirmou que o relator da matéria, Henrique Eduardo Alves (PMDB) e o presidente da comissão especial, Arlindo Chinaglia (PT), insistem na mudança das regras de royalties, pois há uma demanda muito forte de deputados de diferentes estados e de diferentes setores. Ainda assim, Fontana afirmou que os pontos essenciais das propostas do governo serão mantidos.

Prazos

O prazo para votação dos projetos do pré-sal foi negociado em troca da retirada do regime de urgência constitucional que havia sido solicitado pelo presidente Lula. O presidente da Câmara Michel Temer (PMDB) reafirmou compromisso de colocar as propostas em votação no dia 10 de novembro.

Aprenda a investir na bolsa