Não discuti a LOA, não tive tempo, diz Haddad

Para hoje, está prevista a análise pela Comissão Mista de Orçamento e sessão do Congresso para avaliação do texto

Estadão Conteúdo

Fernando Haddad, ministro da Fazenda (Diogo Zacarias/Ministério da Fazenda)

Publicidade

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou, na quarta-feira (20), após a aprovação da medida provisória que regulamenta a subvenção estadual na base de cálculo de tributos federais, que ainda não discutiu o projeto de lei orçamentária anual de 2024 com o relator, Luiz Carlos Motta (PL-SP), porque não teve tempo.

“Eu não discuti LOA porque eu não tive sequer um minuto livre para olhar para a LOA”, disse ao deixar o plenário do Senado.

O Congresso votará o projeto do Orçamento nesta quinta-feira (21). Está prevista a análise pela Comissão Mista de Orçamento (CMO) e também a sessão conjunta do Congresso para avaliação do texto pelos parlamentares na sequência.

Newsletter

Infomorning

Receba no seu e-mail logo pela manhã as notícias que vão mexer com os mercados, com os seus investimentos e o seu bolso durante o dia

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.