Aécio a Marina

“Não bote palavras na minha boca; quem muda de posição toda hora não sou eu”, diz Aécio

Aécio Neves questionou a candidata Marina Silva (PSB) sobre se fará alguma mudança em relação aos aos direitos trabalhistas; porém, o debate logo passou a ser sobre as mudanças de posições entre os candidatos

SÃO PAULO – Aécio Neves, presidenciável pelo PSDB, questionou a candidata Marina Silva (PSB) sobre se fará alguma mudança em relação aos aos direitos trabalhistas. Porém, o debate logo passou a ser sobre as mudanças de posições entre os candidatos. 

Marina afirmou que foi fundadora da CUT e sabe o que foi a luta para conquistar os direitos. “Vamos manter os direitos sim. O que nós vamos fazer é viabilizar leis para que trabalhadores que estão na informalidade possam entrar para dentro da lei. […] Eu também defendo que se faça uma revisão do fator previdenciário. Além do que os trabalhadores já conquistaram, não podemos conviver com o Fator Previdenciário, criado pelo governo do seu partido e mantido pelo PT”, questionando também a posição de Aécio sobre a mudança na posição do tucano frente a questão.

Aécio rebateu: “não bote palavras na minha boca. Quem muda de posição toda hora não sou eu. Nós propomos proposta de aumento real do salário mínimo”. 

PUBLICIDADE

Marina voltou a falar, dizendo que tem um plano de governo que apresentou e quer que a “sociedade conquiste direitos, e recuperar a nossa economia. Infelizmente você não apresentou um governo, só mostrou na última semana quando não havia mais tempo para debate”.