Na hora das compras, mais de 80% das mulheres procuram ofertas e descontos

Este percentual cai para 76%, segundo revela pesquisa da ferramenta Target Group Index, do Ibope Mídia

SÃO PAULO – Na hora das compras, 82% das mulheres procuram ofertas e descontos. Entre os homens, este percentual cai para 76%, segundo revela pesquisa da ferramenta Target Group Index, do Ibope Mídia.

De acordo com o levantamento, em relação aos hábitos de consumo, 69% das brasileiras fizeram compras nos últimos 30 dias. Destas, 79% compraram roupas femininas, 61% adquiriram calçados, 44%, roupas para homens e 40%, roupas para crianças e bebês. O gasto médio das compras foi de R$ 190,83.

“A mulher contemporânea pesquisa os melhores preços, quer estar em dia com moda e estilo, cuida da saúde e estética, além de fazer o que for preciso para proteger sua família”, analisa a gerente de inteligência de mercado do Ibope Mídia, Juliana Sawaia.

PUBLICIDADE

Elas e Eles
Além de, proporcionalmente, as mulheres buscarem mais por descontos na hora das compras do que os homens, são elas que acreditam mais que vale a pena pagar um pouco mais por produtos de higiene pessoal de boa qualidade (80%, contra 76% deles), procuram preços mais baixos quando vão às compras e planejam bem a compra de produtos mais caros.

Por outro lado, elas são mais influenciadas pelos filhos e um número maior delas prefere pagar a prazo do que deles. Na tabela abaixo é possível observar algumas das diferenças nos hábitos de consumo de homens e mulheres:

Diferenças de consumo entre homens e mulheres 
HábitoHomensMulheres
Sempre procura ofertas e descontos76%82%
Vale a pena pagar um pouco mais por produtos de higiene pessoal de boa qualidade76%80%
Procura preços mais baixos quando vai às compras68%75%
Planeja bem a compra de produtos caros65%68%
Sente prazer em qualquer tipo de compra39%53%
Pede opinião de outras pessoas antes de comprar algum artigo novo44%50%
Vale a pena pagar um pouco mais por uma boa bebida47%39%
Filhos influenciam nas compras de casa30%36%
Prefere fazer compras a prazo26%30%

Local de compra
No que diz respeito ao local de compra, 84% das mulheres compraram algo lojas de rua. Os shoppings também foram bastante frequentados, com índice de 60%, seguido pelas lojas de departamento (51%), hipermercados (37%), catálogos (27%), galerias (24%), internet (18%) e televendas (4%).

Para os homens, as lojas de rua e os shoppings também se destacaram, com índices de 77% e 64%, respectivamente. Os canais de compras menos utilizados por eles, contudo, foram as televendas (6%), os catálogos (15%). Neste caso, a internet, em comparação com as mulheres, se destaca, com 24% das indicações.