Na esteira dos resultados das eleições na Europa, dólar abre em leve alta

Mercados interpretam vitória de Hollande na França e indefinição partidária na Grécia; Focus reduz projeção da Selic para este ano

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O dólar comercial abre os trabalhos da semana (7) apontando alta de 0,18%, cotado a R$ 1,929, com os mercados digerindo as definições das eleições na França e na Grécia.

Com um resultado apertado, o socialista François Hollande foi eleito presidente da França, na véspera, vencendo a disputa com o autal líder do pais, Nocolas Sarkozy. Hollande obteve 51,7% dos votos, frente aos 48,3% do político de centro-direita.

Já em Atenas, com mais de 99% dos votos apurados, a participação dos dois principais partidos do atual governo recuou para 32,0%, sendo 18,8% referente ao Nova Democracia e 13,2% ao Pasok. Com o resultado, pode ser que nenhum partido consiga formar uma coalizão de governo estável, ou seja, há dúvidas sobre se os dois partidos conseguirão a maioria de 151 deputados no Parlamento, que tem 300 cadeiras.

Aprenda a investir na bolsa

Indicadores
Na agenda doméstica o relatório Focus, divulgado pelo Banco Central, reduziu a projeção da Selic para 8,50% no mês e no ano. Além disso, o Ministério de Comércio Exterior reporta o resultado semanal da balança comercial às 15h (horário de Brasília).

Nos Estados Unidos, o Federal Reserve revela o Consumer Credit, índice divulgado durante os primeiros dias de cada mês, com o objetivo de medir o total de crédito ao consumidor.