Resposta

Ministro da Justiça contesta comunicação do governo e diz que “não há caos político”

José Eduardo Cardozo fez referência a relatório da Secom divulgado pela imprensa na última terça-feira e que falou que há um cenário de "caos político"

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O ministro da Justiça José Eduardo Cardozo afirmou na última quarta-feira (18) que não vê um cenário de “caos político” no atual cenário nacional, contestando a avaliação da Secom (Secretaria de Comunicação Social da Presidência). Relatório da Secretaria, vazado na última terça-feira, diz que há “caos político” e uma comunicação “errada e errática” do governo. 

“Não vejo caos político, é uma apreciação de quem fez o documento”. “Eu pessoalmente não vejo caos político, vejo uma situação em que o governo tem uma disposição ao diálogo, tem uma disposição de convergir, de buscar convergências com forças políticas. Vejo algumas forças políticas não muito propensas ao diálogo, mas é da vida democrática”, disse o ministro da Justiça.

De acordo com o documento, o governo tem adotado uma comunicação “errática” desde a reeleição da presidente Dilma, afirma que seus apoiadores estão levando uma “goleada” da oposição nas redes sociais e aponta como uma saída para reverter o quadro pós-manifestações de 15 de março o investimento maciço em publicidade oficial em São Paulo, cidade administrada por Fernando Haddad e atualmente, a maior rejeição ao PT.

PUBLICIDADE