Mudança na PF

Ministro da Justiça confirma que irá trocar comando da Polícia Federal

"São três nomes, não posso divulgar. Um deles obviamente é o delegado Galloro, que é o diretor executivo", informou o ministro

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ministro da Justiça, Torquato Jardim, confirmou nesta quinta-feira (7) que irá trocar o comando da Polícia Federal, hoje liderada por Leandro Daiello. Segundo ele, há três nomes para assumir a corporação e, em entrevista à rádio CBN, disse que o delegado Rogério Galloro, diretor executivo da PF, é um destes nomes.

“São três nomes, não posso divulgar. Um deles obviamente é o delegado Galloro, que é o diretor executivo, tem viajado bastante comigo, que tem ajudado muito na concepção desse plano. Ele e Daiello são os dois mais próximos e mais importantes com os quais eu trabalho na Polícia Federal”, afirmou o ministro.

Sobre a atuação do novo comandante, Torquato Jardim disse que não devem haver mudanças profundas e afirmou que a nova PF será mais moderna, com mais presença no exterior. “[o novo diretor] seguirá o mesmo padrão. A troca das pessoas será irrelevante, seja no Ministério da Justiça, seja na Polícia Federal, seja onde for”, afirmou. 

Aprenda a investir na bolsa