Ministra Dilma Rousseff depõe à comissão no Senado nesta quarta-feira

Senador José Agripino Maia indaga Rousseff sobre supostas mentiras; para governo, oposição fere regimento

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, presta, nesta quarta-feira (7), depoimento perante a comissão de infra-estrutura do Senado Federal. A oposição pressiona a ministra, buscando respostas sobre o caso do suposto dossiê elaborado por sua pasta.

Iniciada há instantes, a sessão da comissão começou com um debate entre Dilma e o Senador José Agripino Maia (Dem), que a indagou e a acusou de mentir a respeito da elaboração do dossiê com gastos sigilosos da Presidência da República durante a gestão do tucano Fernando Henrique Cardoso.

Regime de exceção

Para o senador, o relatório seria “o retorno do regime de exceção para encostar algumas pessoas na parede”. A ministra respondeu destacando sua condição de vítima de torturas na época do regime militar.

Aprenda a investir na bolsa

Os parlamentares governistas mantêm a posição de questionar a ministra a respeito das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), acusando os adversários de desrespeitar o regimento interno da casa, desvirtuando o tema para o qual a ministra foi convocada a depor.