México: Tribunal Federal Eleitoral pode ordenar nova recontagem de votos

Órgão convocou sessão pública para o próximo sábado (05); manifestantes pró-Obrador preocupam autoridades

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Tribunal Federal Eleitoral (Trife) do México convocou uma sessão pública para o próximo sábado (05), para decidir se haverá, ou não, nova recontagem de votos referentes à eleição presidencial

A decisão do Trife atende ao pedido de revisão de 175 das 231 impugnações apresentadas pelo esquerdista Manuel López Obrador. Dentre as requisições, está aquela que pede a reabertura de todos os pacotes com votos no país.

Obrador alega que sua derrota por 0,58 pontos percentuais ocorreu por conta de uma fraude com vistas a favorecer o candidato governista Felipe Calderón.

Aprenda a investir na bolsa

Com a atitude, o Trife deve definir, finalmente, o veredicto da corrida presidencial mexicana após um conturbado processo eleitoral, o qual foi marcado por inúmeras denúncias de irregularidades.

Transtornos

Nos últimos dias, Lopez Obrador lançou uma campanha de resistência civil, a qual mexeu com os humores do mercado, além de causar grande transtorno na Cidade do México.

Nesta sexta-feira (04), as autoridades do país reforçaram a segurança dos aeroportos da capital do país, temerosos que os defensores do esquerdista tentem bloquear os vôos como forma de protesto.

A segurança de usinas de energia e refinadoras de petróleo pertencentes à estatal Pemex também foi reforçada.