RADAR INFOMONEY Como discursos de Bolsonaro e Trump na Assembleia Geral da ONU impactaram as bolsas? Assista ao programa desta terça

Como discursos de Bolsonaro e Trump na Assembleia Geral da ONU impactaram as bolsas? Assista ao programa desta terça

Política

Mesmo com rejeição, reeleição de Dilma continua sendo provável, diz Citi

Enquanto o nome de Eduardo Campos parece ter perdido força, Aécio Neves vem se destacando nas pesquisas e deve enfrentar a petista no 2º turno.

São Paulo – Mesmo com a rejeição crescente e os atuais níveis de aprovação cada vez mais baixos, a presidente Dilma Rousseff, do PT, continua em um cenário confortável e sua reeleição ainda é o panorama mais provável, de acordo com relatório do Citi.  

A instituição financeira destacou que Dilma terá bastante tempo para se recuperar do atual movimento decadente com o início da campanha eleitoral na televisão. O Citi apontou ainda que surpresas negativas no cenário econômico podem representar risco significativo. 

Além disso, o banco avaliou que a campanha de Eduardo Campos (PSB) parece ter perdido força recentemente e destacou que Aécio Neves (PSDB) tem figurado na vice-liderança nas pesquisas de intenção de voto e que é o oponente mais plausível no segundo turno. 

PUBLICIDADE