Teto de gastos

Meirelles: PEC do teto de gastos foi bem recebida pelos líderes

Ele não quis falar sobre futuro político, e disse que tem como objetivo ser um bom ministro da Fazenda

(Bloomberg) — Proposta foi apresentada a líderes da base aliada no Congresso, e recebida com perguntas, mas com reação bastante positiva, em geral, disse ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, em entrevista à CBN nesta 6ª-feira.

  • Mais de 50 parlamentares participaram da reunião, segundo ele
  • Outros comentários de Meirelles na entrevista:
    • Expectativa é de que PEC do teto de gastos seja aprovada
    • Substituição de ministros não tem afetado trabalho
    • Estamos apresentando projeto de longo prazo para País
    • Proposta para a Previdência deve ser apresentada nas próximas semanas
    • Não há corte de gastos na educação, eles apenas não podem subir além da inflação
    • Constituição vai determinar medidas autocorretivas para gastos
    • Se despesa aumentar desproporcionalmente em um setor, terão de ser retirados recursos de outro
    • Novos concursos também ficam vedados
    • Aumentos reais de salários ficam vedados em todos poderes
  • Meirelles não quis falar sobre futuro político, e disse que tem como objetivo ser um bom ministro da Fazenda

 

Esta matéria foi publicada em tempo realapara assinantes do serviço BloombergaProfessional.

PUBLICIDADE