Mais japoneses avaliam como ruins as relações com os EUA, aponta pesquisa

O número de pessoas que consideram ruins as relações entre os dois países aumentou de 12% para 20%

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Uma pesquisa do Gabinete do governo japonês, divulgada no último sábado (1), comprovou que, em cada cinco japoneses, pelo menos um acredita que as relações entre o país e os Estados Unidos não são tão boas quanto acreditam que deveriam ser. O número corresponde a 20% de todos os entrevistados.

Comparado com os dados obtidos pelo estudo em 2006, o número de japoneses que acreditavam serem boas as relações entre os dois países caiu de 83% para 76%. Já o número dos que consideravam as relações ruins aumentou de 12% para 20%.

Relações com Coréia do Sul e China

No entanto, se comparados os resultados da pesquisa feita no ano passado, mais japoneses acreditam que as relações entre Coréia do Sul e China estão melhorando.

PUBLICIDADE

No estudo de 2006, 57% dos japoneses entrevistados acreditavam que as relações entre Coréia do Sul e Japão eram ruins. Nos dados deste ano, esse número caiu para 45%, enquanto a porcentagem daqueles que acreditam serem boas aumentou de 34% para 50%.

Já na análise das relações com a China, o índice de boa avaliação cresceu 4 pontos percentuais, atingindo 26%.

A pesquisa da relações exteriores do Japão foi realizada em outubro, com cerca de 3 mil pessoas, com idade acima de 20 anos.