Lula vai se reunir com companhias aéreas nos próximos dias para discutir ajuda ao setor

Ministro de Portos e Aeroportos disse que equação "vai desde o combustível, passando por linha de crédito, até a judicialização"

Estadão Conteúdo

Publicidade

O ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho (Republicanos), afirmou nesta segunda-feira (22) que o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), vai se reunir nos próximos dias, entre esta e a próxima semana, com representantes de companhias aéreas para discutir medidas de recuperação do setor.

“O presidente de fato quer ajudar nessa equação que vai desde o combustível, passando por linha de crédito, até a judicialização”, disse o ministro. “Vamos nos reunir para discutir o fortalecimento das companhias aéreas, que sabemos que no mundo todo enfrentam desafios”.

As declarações foram dadas durante evento de balanço das operações do setor aéreo em 2023. Apesar do crescimento de 15,3% na movimentação de passageiros, o ministro destacou que ainda há desafios para fortalecer as companhias e resultar em maior democratização do acesso aos voos.

Continua depois da publicidade

As três principais companhias que atuam no mercado brasileiro sofrem ou sofreram nos últimos anos com problemas oriundos da pandemia.

A Latam entrou em recuperação judicial nos Estados Unidos em maio de 2020 e só saiu em novembro de 2022, enquanto a Azul (AZUL4concluiu a renegociação da sua dívida só em outubro de 2023. Já a Gol (GOLL4) viu suas ações despencarem na semana passada, com rumores de que estaria prestes a pedir recuperação judicial também nos EUA.

Newsletter

Infomorning

Receba no seu e-mail logo pela manhã as notícias que vão mexer com os mercados, com os seus investimentos e o seu bolso durante o dia

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.