Impeachment

Lula irá ao Senado acompanhar depoimento de Dilma em julgamento do impeachment

Segundo o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pretende acompanhar o depoimento de Dilma na Casa

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A segunda-feira (29) promete ser o dia mais agitado do processo de julgamento da presidente afastada Dilma Rousseff já que a própria petista irá o plenário do Senado para fazer sua defesa. Porém, ela deve contar com um grande apoio na Casa enquanto enfrentará os senadores em sua última tentativa de evitar o impeachment.

Segundo o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pretende acompanhar o depoimento de Dilma na Casa, segundo informou o G1. “A nossa expectativa é que ele venha, sim. Nós conversamos e ele está disposto a vir. Ele quer vir e acompanhar o depoimento dela”, disse Humberto Costa. Questionado sobre se Lula assistirá ao depoimento no Senado, declarou que sim.

O julgamento final da petista começou nesta quinta-feira (25) e até o final de semana está prevista a fase em que serão colhidos os depoimentos das testemunhas de defesa e de acusação. Após a fala de Dilma na segunda, a expectativa é que a votação final ocorra até a quarta-feira (31), ou antes.

Aprenda a investir na bolsa

Na sessão destinada ao depoimento, Dilma terá 30 minutos para apresentar sua defesa e, segundo a assessoria, responderá a eventuais questionamentos formulados pela defesa, pela acusação e por parlamentares. Em suas respostas, a presidente afastada não terá tempo limite, o que pode tornar a sessão bastante longa.