Lula e Serra mantêm vantagem sobre concorrentes, reitera Ibope

A despeito da propaganda eleitoral, Lula e Serra continuam eleitos já no primeiro turno das eleições

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O início do horário eleitoral gratuito de Rádio e TV pouco tem alterado as intenções de voto e a equipe de pesquisas do Ibope, a pedido do jornal O Estado de São Paulo, realizou uma nova sondagem. Na corrida presidencial, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ampliou sua vantagem frente ao candidato Gerado Alckmin (PSDB).

Na disputada pelo governo de São Paulo, José Serra também elevou sua vantagem frente ao segundo colocado, o candidato Aloizio Mercadante (PT). Nos dois casos, os primeiros colocados nas pesquisas, ou seja, Lula e Serra, seriam eleitos já no primeiro turno das eleições.

No caso da sondagem para a corrida presidencial, a pesquisa Estado/Ibope entrevistou 2.002 eleitores entre os dias 23 e 25 de agosto, em 140 municípios. A margem de erro é de 2 pontos porcentuais. Já no estudo relativo à disputa pelo governo de São Paulo, 1.806 pessoas foram entrevistadas, em 90 municípios, entre os dias 24 e 26 de agosto.

Números das pesquisas

Aprenda a investir na bolsa

Segundo os dados apresentados, Lula subiu 2 pontos percentuais e chegou aos 49%, enquanto Alckmin subiu 1 ponto e foi para 22%. Lula tem agora 60% dos votos válidos e Alckmin 26%. Em um hipotético segundo turno, o candidato-presidente bateria Alckmin por 54% a 32%.

Em relação ao governo de São Paulo, José Serra aparece agora com 46% das intenções de voto, aumento de 3 pontos percentuais em relação à ultima aferição. Aloizio Mercadante (PT), segundo colocado, também cresceu 3 pontos, mas aparece com 18% das intenções de voto. Na simulação do segundo turno, Serra teve 57% das intenções de votos e o petista 24%.