Lula diz que Bovespa deve agradecê-lo pelos bons resultados

O presidente afirma que "agora ela parece uma Bolsa" e que merece gratidão pelos recordes alcançados durante sua gestão

SÃO PAULO – Nesta quinta-feira (17), na abertura da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que a Bovespa deveria agradecer publicamente ao seu governo, por ter seu principal índice de ações pela primeira vez ultrapassado a barreira dos 50 mil pontos.

Durante seu discurso, Lula lembrou das dificuldades que teve para entrar no prédio da Bolsa de Valores durante sua campanha no ano de 2002. “Depois de muita labuta consegui entrar na bolsa de valores. Hoje a bolsa deve publicamente, sempre que puder, agradecer tudo o que foi feito nesse governo para a bolsa chegar na situação extraordinária que ela está hoje”, disse.

Segundo o presidente, havia resistência por parte da Bolsa em recebê-lo, e disse que hoje a instituição “venceu também os preconceitos que havia”.O discurso foi direcionado ao presidente da Bovespa, Raymundo Magliano, que assumiu um cargo no CDES.

“Bolsa de verdade”

PUBLICIDADE

Lula ainda afirmou que os bons resultados da bolsa fizeram melhorar sua imagem. “Agora ela está parecendo bolsa mesmo porque tem volume (de negócios). Não é aquela bolsa pequenininha, que parece um enfeite”.

Lula também abordou o assunto do fortalecimento do real frente ao dólar, e da influência dessa situação nas exportações brasileiras. O presidente afirmou que manterá o câmbio flutuante e que em compensação oferecerá benefícios fiscais a setores como têxteis e calçados.