Ex-presidente fala

Lula critica uso de dólar como moeda global e espionagem: “que delito Dilma cometeu?”

Qual foi o delito que a Dilma cometeu?, questiona Lula sobre caso de espionagem

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ex-presidente Lula deu declarações nesta quarta-feira, em conferência em São Paulo, destacando o movimento de forte desvalorização do real em meio às expectativas para a redução do programa de flexibilização quantitativa do Federal Reserve, nos EUA. 

“Até pouco tempo o ouro era a moeda internacional. Quem inventou que dólar é a moeda padrão foram os americanos, que têm a maquininha para fazer o dólar”. Assim, ele pediu a criação de uma moeda mundial para que reações de forte volatilidade da moeda, como ocorrido recentemente, sejam evitadas.

Além disso, Lula também criticou às ameaças de invasão à Síria, lembrando do fato dos EUA não encontrarem armas químicas no Iraque, motivo que teria levado à invasão daquele país em 2003. 

Aprenda a investir na bolsa

Lula também comentou sobre o caso de espionagem da NSA, agência norte-americana, que envolve a Petrobras (PETR3;PETR4), fazendo críticas duras e pedindo que a questão da democracia seja levada à sério no mundo globalizado. Ele pediu a criação de um fórum global para discutir o caso de espionagem. 

E afirmou ainda que não é razoável que o governo dos EUA interceda sobre a soberania dos países, inclusive do Brasil. “Agora o cidadão senta em uma salinha em qualquer lugar de Nova York e fica sabendo o que você está fazendo. E cadê a democracia? Cadê a decisão judicial que permite ouvir?Qual foi o delito que a Dilma cometeu?”, disse ele.