Luiz Marinho deixa Ministério do Trabalho e vai para a Previdência Social

No lugar dele assume Carlos Lupi, presidente do PDT, que deve tomar posse na quinta-feira (29), em Brasília

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Nesta quarta-feira (28), em Brasília, foi confirmada a saída do atual ministro da Previdência Social, Nelson Machado. O cargo será ocupado por Luiz Marinho, do Ministério do Trabalho. O presidente do PDT, Carlos Lupi, irá assumir a pasta deixada por Marinho.

Questionado nesta manhã por jornalistas se será substituído por Luiz Marinho, e quando seria a transmissão do cargo, Machado respondeu: “Vai ser amanhã”.

Machado disse ainda que recebeu convite para trabalhar com o ministro da Fazenda, Guido Mantega. No entanto, ele não revelou onde irá atuar. “Eu tenho um convite do ministro para trabalhar com ele. Não está definido onde. Mas minha prioridade é tirar férias. Estou dois anos sem férias”, afirmou Machado.

Quem é Carlos Lupi?

Aprenda a investir na bolsa

O atual presidente do PDT, Carlos Lupi (RJ), que assumirá o Ministério do Trabalho, tem uma trajetória ligada ao partido e ao histórico político de Leonel Brizola. Foi deputado federal pelo estado do Rio de Janeiro entre 1990 e 1994 e, atualmente, é presidente do PDT. Assumiu o cargo em junho de 2004, após a morte de Brizola.

Formado em Administração de Empresas, licenciou-se do mandato de deputado federal no início da década de 90 para assumir a Secretaria de Transportes da prefeitura do Rio de Janeiro. Depois, entre 1999 e 2000, foi secretário de Governo do estado na gestão de Anthony Garotinho.

Em nota oficial, o PDT confirmou que Carlos Lupi irá assumir nesta quinta-feira (29) o Ministério do Trabalho.