AO VIVO Especialista responde como a flexibilização trabalhista na pandemia afeta a sua vida; assista e mande suas perguntas

Especialista responde como a flexibilização trabalhista na pandemia afeta a sua vida; assista e mande suas perguntas

Mais nomes

“Lista de Janot” inclui dez governadores e Geraldo Alckmin está nela, dizem jornais

No tribunal, o volume surpreendentemente alto de processos já preocupa

SÃO PAULO – Segundo a Folha de S. Paulo, o STJ (Superior Tribunal de Justiça) foi informado de que receberá os casos de dez governadores incluídos na “lista de Janot”.

Na tarde de ontem,  o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou ao STF (Supremo Tribunal Federal) 83 pedidos de abertura de inquérito, a partir dos acordos de colaboração premiada firmados com 77 executivos e ex-executivos das empresas Odebrecht e Braskem. Também foram solicitados 211 declínios de competência para outras instâncias da Justiça, nos casos que envolvem pessoas sem prerrogativa de foro, além de 7 arquivamentos e 19 outras providências.

O STJ é a instância responsável por julgar processos contra governadores, que têm foro privilegiado nesse tribunal. Porém, antes disso, esses casos devem ser antes liberados pelo ministro Edson Fachin, relator da lava Jato no STF. Segundo o jornal, o volume surpreendentemente alto de processos já preocupa. A avaliação é de que não apenas o Supremo que ficará sobrecarregado com os pedidos de abertura de inquérito.

PUBLICIDADE

Já de acordo com o Valor Econômico, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) está na lista. Conforme apurou a reportagem, ao menos dois supostos fatos criminosos relatados por delatores foram associados a Alckmin.