Economia

Levy diz que almoço com senadores foi “muito bom e construtivo”

"Há um interesse em fazer isso avançar. Há crescente convicção da importância do ICMS como um dos primeiros passos da agenda do crescimento", afirmou

Aprenda a investir na bolsa

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse que o almoço com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e senadores “foi muito bom e construtivo” e que foram discutidas questões relacionadas ao que chamou de “agenda do crescimento”, entre elas a reforma do ICMS.

Levy ressaltou que é importante que os projetos em torno da reforma guardem “certos princípios básicos”, tanto em relação à origem dos recursos que compensarão as perdas dos Estados quanto no âmbito tributário. O governo quer que os Estados sejam compensados pelas perdas que terão com o fim de incentivos tributários com impostos pagos na repatriação de recursos do exterior. Mas os Estados estão relutantes em aceitar o modelo.

“Há um interesse em fazer isso avançar. Há crescente convicção da importância do ICMS como um dos primeiros passos da agenda do crescimento”, afirmou.

Aprenda a investir na bolsa

Sobre o projeto que reduz a desoneração sobre a folha de pagamentos, Levy disse que este ainda é um “tema de reflexão”. O ministro falou rapidamente com jornalistas ao chegar ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), onde participa de reunião da Câmara de Comércio Exterior (Camex).