Jorge Viana, ex-governador do Acre, pode assumir Ministério do Meio Ambiente

Antiga titular da pasta, Marina Silva afirmou que seu trabalho sofria resistências junto a setores do próprio governo

SÃO PAULO – Marina Silva entregou o cargo de Ministra do Meio Ambiente de maneira irrevogável. Rumores indicam que Jorge Viana, ex-governador do Acre, pode ser anunciado ainda nesta quarta-feira (14) como substituto.

Em carta de demissão enviada ao Presidente, a ex-ministra afirmou que Lula seria testemunha de resistências ao seu trabalho junto a setores importantes da sociedade e do governo, tendo entrado em marcantes conflitos a respeito de licenças ambientais para as usinas do rio Madeira.

Substituto

O secretário estadual de meio ambiente do Rio de Janeiro, Carlos Minc (PT), teria sido sondado para assumir o cargo, mas nega a possibilidade de deixar o governo de Sérgio Cabral (PMDB), ao passo em que a mídia especula sobre o nome de Jorge Viana (PT), ex-governador do Acre. Marco Aurélio Garcia, assessor especial da Presidência, afirmou que Lula já escolheu o substituto.

Mãe do PAS

PUBLICIDADE

A recente nomeação do secretário especial para assuntos estratégicos, Mangabeira Unger, para a coordenação do PAS (Plano Amazônia Sustentável) teria aumentado o descontentamento de Marina Silva, que foi chamada pelo Presidente Lula de mãe do projeto em seu lançamento.

A saída da ex-ministra repercutiu de maneira negativa entre setores do próprio PT, ao passo que analistas afirmam que contribui para denegrir a imagem de compromisso do governo com a causa ambiental.