Justiça

Joaquim Barbosa diz que anulação do impeachment dificilmente passa no STF

No Twitter, ex-presidente do STF diz que decisão não era da alçada do presidente interino da Câmara

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, disse em sua conta oficial no Twitter que o mundo inteiro deve ver o Brasil como motivo de chacota neste momento. “Dificilmente a inesperada decisão de Waldir Maranhão (PP-MA) escapará ao crivo do STF, qualquer que venha a ser o seu desfecho”, disse Barbosa. 

Para ele, a decisão de Maranhão aponta “vícios jurídicos” no rito do processo de impeachment. Ou seja, a anulação deveria partir do próprio STF e não do presidente da Câmara. 

Os tweets vieram depois de Waldir Maranhão anular o resultado da votação do impedimento da presidente Dilma Rousseff na Câmara no começo desta segunda-feira (9). 

Aprenda a investir na bolsa