Em dúvida

Joaquim Barbosa diz que ainda falta muita coisa e não decidiu se será candidato

Apesar disso, ex-ministro do STF comemorou os bons números da última pesquisa Datafolha

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Na chegada ao encontro com os partidários do PSB (Partido Socialista Brasileiro) na tarde desta quinta-feira (19), o ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, disse que ainda não decidiu se será candidato para as eleições.

Apesar de afirmar que “não é candidato ainda” e que ainda falta muita coisa, Barbosa comemorou os bons números da última pesquisa Datafolha, quando apareceu com entre 8% e 10% das intenções de voto: “para quem não frequenta ambiente público, não dá entrevista, está muito bom”, afirmou o ex-ministro do STF.

No dia de sua filiação (6 de abril) ao PSB, Barbosa revelou que ainda estava em dúvida sobre disputar as eleições pelo partido: “embora uma parcela considerável das lideranças do partido externem simpatia pela minha filiação, o fato é que, em total transparência, o PSB deixou claro que não me garante de antemão a legenda para uma possível candidatura”, disse Barbosa. Vale lembrar que os partidos têm até 15 de agosto para apresentarem o registro dos candidatos.