Dando recado

João Vaccari está disposto a falar tudo que sabe sobre o PT e seus dirigentes, diz Folha

Em tom de recado contra abandono após prisão, ex-tesoureiro do partido tem sinalizado para a possibilidade de fechar um acordo de delação premiada

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ex-tesoureiro do PT João Vaccari está mostrando cada vez mais disposição em revelar o que sabe sobre o PT e seus dirigentes. Conforme conta nota para a coluna Painel do jornal Folha de S. Paulo, Vaccari elevou as reclamações contra os nomes fortes da sigla nos últimos dias, alegando abandono profundo com o cerco da Operação Lava Jato.

A nota do jornal diz ainda que é dos familiares que partem as maiores pressões para que o petista aceite efetuar acordo de delação premiada. O ex-tesoureiro tem dado recados de que, se não tomarem conta dele, será menos cauteloso na avaliação sobre um acordo com os investigadores.