Mudança à frente?

Jaques Wagner diz que está à disposição para assumir Casa Civil

O ministro não confirmou se já recebeu o convite e ressaltou que, por enquanto, é o ministro da Defesa

Aprenda a investir na bolsa

O ministro da Defesa, Jaques Wagner, disse hoje (30) que está à disposição para assumir a Casa Civil, se for convidado pela presidente Dilma Rousseff. “Sou parte desse projeto [de governo], estou à disposição no que puder ajudar”, disse ao chegar para audiência pública na Câmara dos Deputados.

O ministro não confirmou se já recebeu o convite e ressaltou que, por enquanto, é o ministro da Defesa.

A mudança no comando da Casa Civil tem sido apontada como uma da alterações previstas na reforma administrativa, que deverá ser anunciada pela presidente. Wagner entraria no lugar do atual ministro da pasta, Aloizio Mercadante.

Aprenda a investir na bolsa

Wagner participa da audiência na Câmara que discute o Decreto nº 8.515/15, que delega competência do presidente da República ao ministro da Defesa para a edição de atos